O que fazer para deixar pH do solo no índice correto

 Em Dicas de Cultivo, Dicas Green Power

O controle do pH do solo sempre gera dúvidas entre os cultivados. Já respondemos se é normal o pH do solo baixar após a rega e agora respondemos outra pergunta sobre o assunto, enviada por um leitor e cliente da Green Power. Ele escreveu que faz o cultivo totalmente orgânico e os solos sempre ficam alcalinos. A pergunta enviada é a seguinte:

“Gostaria de saber como monto um solo para que o ph fique abaixo de 7?”

A resposta começa lembrando que o pH do solo é medido por uma escala que vai de 0 a 14, onde o 7 equivale ao neutro, enquanto abaixo é ácido e acima, alcalino. O índice do pH é muito importante para a nutrição vegetal porque os solos ácidos (índice inferior a 7) ou alcalinos (índice superior a 7) inibem a absorção dos nutrientes pelas plantas.

Sobre a dúvida do leitor, é bem difícil que um solo mantenha-se alcalino num cultivo totalmente orgânico. Afinal, é justamente a matéria orgânica uma das responsáveis por baixar o pH do solo. É necessário avaliar com mais detalhes quais são os componentes do solo ou substrato usado no cultivo do leitor. A princípio, a simples adição de matéria orgânica ao substrato já é suficiente para equilibrar o pH, ajudando a resolver a dúvida do leitor.

O papel da matéria orgânica

A matéria orgânica está naturalmente presente no solo e corresponde a um conjunto de restos animais e vegetais parcialmente decompostos e sintetizados, em contínua atividade de decomposição. É o resultado do metabolismo dos microrganismos (bactérias e fungos) presentes no solo.

No preparo de um solo rico para cultivo há a necessidade de incrementar a matéria orgânica. Isso deve ser feito porque é dali que vem os nutrientes básicos para as plantas, além dos que virão posteriormente a partir da adição de fertilizantes.

Uma forma simples e barata de preparar um bom solo ou substrato orgânico é adicionar a compostagem, que nada mais é do que a própria decomposição da matéria vegetal e animal a partir de restos de alimentos, cascas, folhas secas e outros. Após passar por um processo de decomposição esses restos viram um excelente adubo para as plantas. Além disso, atuam como uma espécie de mecanismo tampão para o solo, ou seja, é capaz de equilibrar o pH.

Uma sugestão de preparo para um substrato orgânico:

30% de Turfa

30% de Perlita (ou Fibra de coco, ou uma mistura de ambos)

20% de Vermiculita

20% de Humus (ou composto orgânico – resultante do processo de compostagem dos resíduos da cozinha, por exemplo)

1 Colher de Calcário dolomítico

3 Colheres de guano de coelhos

 


O que fazer quando

Você tem dúvida sobre seu cultivo? Participe do conteúdo colaborativo do blog da Green Power. Preencha o formulário e envie sua pergunta.

Deixe um Comentário

Start typing and press Enter to search