3 dúvidas sobre uso de fertilizantes

 Em Dicas de Cultivo

O uso de fertilizantes é um assunto que o dono de um cultivo indoor não pode deixar de se preocupar. É um dos itens que ajudam a garantir um resultado de qualidade, somado aos cuidados e à dedicação com a plantação. Estar bem informado a respeito é essencial. E por isso, reunimos neste posts respostas para três dúvidas sobre o uso de fertilizantes.

Quando devo começar o uso de fertilizantes no meu cultivo indoor?

O uso de fertilizantes deve começar a partir da terceira ou quarta semana de vida da planta. Esta é um cuidado importante. Muitos podem pensar que já no plantio os fertilizantes devem ser aplicados. Mas não, antes disso, a planta precisa de água e luz. Quando iniciar o uso de fertilizantes, a recomendação é sempre começar com doses baixas e ir aumentando gradativamente até atingir a dose indicada no rótulo do fertilizante.

Para ajudá-lo a entender quando é o momento certo para o uso de fertilizantes, confira as seguintes dicas:

  • Da germinação até as primeiras três semanas de vida: água e luz;
  • A partir da terceira semana: fertilizante rico em Nitrogênio;
  • Suprir as demandas por outros nutrientes (Potássio-K, Fósforo-P, Boro, Cobre, Molibdênio, Ferro, Manganês, Magnésio, etc);
  • A partir da sexta semana: fertilizante rico em Potássio e Fósforo;
  • Durante a floração a necessidade de Nitrogênio diminui gradativamente e aumenta a necessidade por Potássio, Fósforo e microelementos. E atenção, o excesso de Nitrogênio na fase de floração pode travar o desenvolvimento das flores.

Que critérios devo adotar para comprar o fertilizante certo para meu cultivo?

O mais importante é identificar a fase de desenvolvimento das plantas e, a partir daí, avaliar quais as principais demandas por nutrientes da planta. Cada fase ela precisa de um nutriente (ou um conjunto deles) em específico, como indicado na resposta anterior. Exemplo: fase de crescimento há uma maior demanda por Nitrogênio, fase de floração há maior necessidade de Fósforo.

Importante também é garantir o aporte dos outros nutrientes, principalmente quando o cultivo é hidropônico, aeropônico ou com substratos inertes deve-se ter atenção na hora da compra e escolher um fertilizante rico em todos os nutrientes.

Posso usar apenas fertilizantes orgânicos ou preciso complementar também com fertilizantes minerais?

O recomendado é sempre utilizar apenas uma linha de fertilizantes, ou minerais ou orgânicos. O uso sem critério pode facilmente causar superdosagem, o popular overfert, e matar suas plantas. Isso acontece porque os fertilizante contém uma determinada concentração de nutrientes, especificamente elaborados para atender às necessidades da planta. Caso sejam aplicados em excesso podem ocasionar a queima das folhas, o primeiro sinal de overfert.

A decisão de qual e quando usá-los depende do estágio da planta e também das necessidades que você identificar para o cultivo. Os fertilizantes orgânicos, por exemplo, ajudam a reter mais a água e torna mais favoráveis o crescimento das raízes. Além disso, também fortalecem o desenvolvimento de microrganismos que são fontes de nutrientes para as plantas.

Os fertilizantes minerais, por sua vez, dão ao dono do cultivo um controle maior sobre a quantidade de nutrientes e um aliado para combater pragas. Mas para o uso de fertilizantes minerais exige uma atenção maior para não haver erro na dosagem. O risco de cometer excessos aumenta.

Quer saber mais sobre fertilizantes? Conheça os fertilizantes à venda na loja da Green Power.

 

Deixe um Comentário

Start typing and press Enter to search